Sentir-se triste é ser humano

Triste

As pessoas às vezes me perguntam por que em certas coisas que escrevo pareço tão triste ou infeliz. O fato é que eu nem sempre quero ser feliz, às vezes eu preciso me sentir infeliz ou talvez amarga, porque só dessa maneira consigo pensar sobre coisas que não pensaria se vivesse apenas feliz ou alegre.

O infortúnio nos ensina a ter habilidade em resolver os problemas ou ao menos aprender a conviver com eles e extrair maturidade. Nenhuma pessoa comum pode ser feliz em tempo integral embora algumas tentem mostrar o quanto suas vidas são cheias de felicidade e completas, essa é a maior das mentiras, quando a pessoa mente pra si mesma.

O que vemos por ai, são pessoas que buscam a todo custo se sentirem plenas e ignoram sentimentos que podem ser negativos, porém não percebem que eles são fundamentais em nossas vidas para que haja equilíbrio. Uma pessoa que se sinta o tempo todo alegre estará de certa forma estagnada e não terá muitos anseios para buscar novas conquistas ou descobertas.

A tristeza é tão necessária quanto à alegria, uma vez que aprendemos a entender que ela traz equilíbrio, e também dúvidas que são essenciais para as mudanças. A tristeza pode vir por vários acontecimentos ou por nenhum motivo aparente, mas ela é necessária e não entendo porque é tão evitada.

Uma pessoa que se sinta triste não cabe no mundo das aparências, uma pessoa triste parece chata, não tem nada a ver com as vidas perfeitas que são vendidas em propagandas, mas como em todo marketing bem feito não passam de pequena parte de uma grande ilusão. O que quero dizer é que não é natural ao ser humano ser apenas alegre, portanto não há sentido nessa ideia que se cria cada vez mais de que as pessoas têm que parecer se encaixar nesse padrão.

Ser uma pessoa constantemente triste obviamente não fará bem até mesmo por uma questão de saúde assim como ser uma pessoa alegre o tempo todo é surreal, sendo assim, o segredo esta em saber sentir-se triste, não se entregar a tristeza e aceitar que você não pode se sentir alegre o tempo todo.

Anúncios

Sobre detantopensarescrevi

Um dia acordei e estava espalhada, haviam palavras por todos os lados, e não tinha como junta-las, foi então que decidi escrevê-las.
Esse post foi publicado em Crônica, Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Sentir-se triste é ser humano

  1. Tristeza e alegria são antônimos, mas não antagonistas. Realmente há momento pra cada uma delas, mas vivemos na sociedade da euforia, da alegria artificial e superficial e sentimentos mais complexos como a tristeza são banidos como vilões. O curioso é que temos uma sociedade muito triste, com a tristeza já tão intensa que se torna doença, depressão, mas a ordem da casa é todo mundo fingir que é alegre. Também acho estranho quando uma pessoa está triste e os consoladores dizem “Não chore”. Ora, tem mesmo é que chorar. É pra isso que serve o choro, pra extravasar a tristeza e aliviar a tensão, pois o sentimento reprimido, seja de alegria ou de tristeza, é que causa desconforto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s